Yoga, tai-chi, meditação e outras práticas ocupam o Passeio Público

O Passeio Público, implantado atrás do Palácio da Aclamação, no Campo Grande, em Salvador, passa a ser ocupado pela prática da meditação, a arte marcial chinesa tai-chi-chuan e a disciplina originária da Índia, a yoga, dentre outras atividades físicas, culturais e artísticas. O local implantado inicialmente como horto botânico, desde 1812, passou a ser administrado pelo Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (IPAC) da Secretaria de Cultura do Estado (SecultBA). O IPAC já é responsável pelo Palácio da Aclamação e os seus jardins, área contígua ao Passeio.

Passeio Público_ft Ana Paula Nobre (31)

Passeio Público_ft Ana Paula Nobre (47)

A primeira etapa dos Serviços de Conservação Preventiva realizada pelo IPAC nessa área vai ser entregue no próximo domingo (27), às 10h, com a presença do governador Rui Costa. “Precisamos ter mais ações neste belo e privilegiado espaço”, afirmou Ana Liberato, diretora da DIMUS. Segundo ela, ainda será lançado pelo IPAC um projeto de sinalização histórica e botânica, além de um programa de educação patrimonial que, inicialmente, atenderá 160 vigilantes patrimoniais do IPAC e cerca de 340 policiais militares do 18° Batalhão e Batalhão Turístico da PM.

Dentro das ações de Educação Patrimonial, a ideia do IPAC é continuar com os serviços de conservação tendo operários e restauradores trabalhando no local, com segurança necessária, para explicar aos frequentadores as etapas dos seus trabalhos. Com apoio da Secretaria de Segurança Pública (SSP) e da Polícia Militar (PM), o Passeio ganhou câmera com cobertura 360° (trezentos e sessenta graus), instalada a 4,5 metros de altura e que atinge extensão de 800 metros lineares.

BRAHMA KUMARISA última atividade realizada no Passeio foi a meditação da Organização Brahma Kumaris no dia 18 desse mês. “Aqui foi fantástico. O clima e a energia do local tornou o encontro maravilhoso”, comemorou o engenheiro eletricista, Ivan Pinho. Os integrantes do programa ‘Por um mundo de Paz’ da Brahma Kumaris ficaram encantados pela oportunidade de meditar em meio à natureza e no momento do pôr-do-sol.

Entre os que foram pela primeira vez estava a pedagoga Terezinha Lima, 62. “Foi sensacional. Aqui tem uma energia que nos deixa em sintonia com o mundo e nos faz vibrar e voltar-se para si”, refletiu ela. Para o grupo, a vista privilegiada para a Baía de Todos os Santos torna o ambiente propício à interiorização e ao relaxamento. A funcionária pública Marileyde Matos, 52, fez questão de estar presente. “Sair do trabalho e vir para um lugar lindo como este já ajuda a nos sentirmos em harmonia e com bem-estar”, disse.

Formada por uma rede de indivíduos de todas as idades e formações, a Brahma Kumaris oferece atividades organizadas em mais de 8,5 mil centros de meditação Raja Yoga, localizados em 110 país, onde é praticada e ensinada uma forma de meditação que relaxa a mente e promove equilíbrio saudável entre os mundos interno e externo do indivíduo. A meditação contou com o apoio do projeto Avenida Sete – Território Empreendedor, da Secretaria Cidade Sustentável, da Guarda Municipal, do IPAC que administra o espaço e realização da Organização Brahma Kumaris. Mais informações sobre eventos no Passeio Público: www.ipac.ba.gov.br, o facebook ‘Ipacba Patrimônio’ e o twitter ‘@ipac_ba’.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s