Site sobre vida e obra de Carybé é lançado em clima de homenagem

IMG_8871

O Palacete das Artes, localizado no bairro da Graça, em Salvador, foi palco ontem (9) à tarde, de homenagem que visa difundir a vida e obra do artista plástico Carybé (1911-1997), com o site www.carybe.com.br. O projeto foi patrocinado pelo Fundo de Cultura da Bahia, via Edital de Museus da Secretaria de Cultura do Estado (SecultBa), administrado pelo Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (IPAC). Além de gerenciar editais de museus, patrimônio, arquitetura e urbanismo da SecultBA, o IPAC administra o Palacete e os principais museus estaduais (www.ipac.ba.gov.br/museus).

“Estou muito feliz em disponibilizar a obra do meu pai. O site é um grande passo, sobretudo, para reduzir o número de falsificações das obras de Carybé. Diariamente, somos obrigados a consultar leilões para identificar obras suspeitas”, disse na solenidade de abertura, a filha, curadora do artista e representante do Instituto Carybé, Solange Bernabó. O portal foi idealizado por Gabriel Bernabó, neto do artista.

IMG_8866

PROJETOS Na cerimônia, o diretor geral do IPAC, João Carlos de Oliveira, pontuou a importância dos editais, que contribuem com projetos efetivos da sociedade, produtores, especialistas e instituições em benefício da política cultural. “Administramos projetos de restauração, projetos arquitetônicos, educação patrimonial, conservação e dinamização museológica, recuperação e digitalização de acervos, livros, cartilhas, CD, dentre dezenas de outras iniciativas patrocinadas pelo Fundo de Cultura”, destacou João Carlos.

Ao agradecer o apoio ao projeto, Solange Bernabó pediu mais incentivo do poder público na difusão de outros editais que contribuam para a preservação do patrimônio baiano. A museóloga Graça Teixeira foi palestrante do evento e destacou o formato do site categorização do acervo de Carybé. “A produção dele foi imensa e o site facilita o acesso”, comentou. Graça falou da criação de novos acervos digitais. “Esperamos continuar com apoio da Secult/IPAC no fortalecimento de cultura digital. Ganhamos nós, as instituições, o governo, e a sociedade”, finalizou.

 

PUBLICAÇÕES Gabriel Bernabó explicou que o projeto é resultado de dez anos de pesquisas. “A equipe do IPAC foi fundamental no arrolamento do acervo, fotografando e caracterizando peças. Pretendemos expandir mais conteúdo para que o público tenha acesso a diversidade da obra de Carybé”, afirmou. No encerramento, os convidados foram presenteados com publicações do IPAC sobre os bens culturais baianos, disponíveis também para download no site www.ipac.ba.gov.br.

O IPAC já promoveu outras ações sobre Carybé e suas obras, como exposições nos museus de Arte Moderna (MAM) e de Arte da Bahia (MAB), a mostra ‘100×100 Carybé Ilustra Jorge Amado’ no Solar Ferrão (2013), ou restauro e educação patrimonial no restaurou o painel ‘Panorâmica da Cidade do Salvador’ de Carybé, na Escola Parque, complexo educacional tombado pelo IPAC. Mais informações sobre editais do IPAC, na Astec, via telefone (71) 3117-7482 e endereço editais.ipac@ipac.ba.gov.br. Fique informado: www.ipac.ba.gov.br, facebook ‘Ipacba Patrimônio’ e twitter ‘@ipac_ba’.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s