Projeto “Tocando Maracás Eu e Vocês” tem sua terceira edição no Centro Cultural Solar Ferrão

orquestra museofônica 3_Jeferson Vieira

O Centro Cultural Solar Ferrão (Pelourinho) promove em 26/04, mais uma edição do projeto “Tocando Maracás Eu e Vocês”, que tem como objetivo rememorar, valorizar e difundir a cultura dos povos indígenas lançando um novo olhar sobre o significado do desaparecimento de parte de suas tradições. Nesta data, a atividade é direcionada ao público do Grupo da Terceira Idade Senix das 14h às 15h. Outros interessados, porém, podem acompanhar a atividade gratuitamente, desde que faça a prévia inscrição (contato: 3116-6743). O projeto teve início em abril de 2015 e agora está em sua terceira edição.

As atividades são realizadas em três etapas. A primeira envolve uma visita mediada à Coleção de Instrumentos Musicais Tradicionais de Emília Biancardi. Em seguida, acontece a exibição de vídeo sobre o assunto e o bate-papo. Para finalizar, uma aula com os integrantes da Orquestra Museofônica da Diretoria de Museus do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Dimus/Ipac), que ensinará os participantes a manusearem o maracás – espécie de chocalho bastante utilizado na cultural indígena.

“O projeto visa incentivar a aproximação entre crianças e adolescentes aos instrumentos musicais indígenas, valorizando a cultura e a importância da preservação dos valores desse povo tão significativo na história do país”, completa Ana Liberato, diretora da Dimus.

“No geral as pessoas esquecem que, quando os povos invasores chegaram no Brasil, e depois os negros, os índios já tinham seus instrumentos musicais, já tinham suas músicas e danças. Com esse tipo de iniciativa, queremos transmitir esse conhecimento”, explica Emília – responsável pela maior coleção de instrumentos musicais dos índios no Brasil.

 Emília Biancardi

emilia-biancardi

Etnomusicóloga e pesquisadora da Música Folclórica Brasileira, com seu interesse por instrumentos musicais de cultura popular, fez nascer a Coleção de Instrumentos Musicais Tradicionais Emília Biancardi. Hoje, o acervo compreende mais de 1000 instrumentos oriundos dos cinco continentes.

Orquestra Museofônica

A Orquestra Museofônica é uma proposta pedagógica musical idealizada pela Diretoria de Museus do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (DIMUS/IPAC), Ana Liberato, tendo como referencia a Coleção de Instrumentos Musicais Tradicionais Emília Biancardi. É composta por cerca por 30 integrantes, funcionários atuantes nas instituições museais e no IPAC, além de músicos convidados. Os instrumentos utilizados nas apresentações são provenientes das viagens de Emília por terras africanas, indígenas, orientais e europeias.

 

Serviço: “Tocando Maracás Eu e Vocês”

Data: 26/04/2016

Horário: 14h às 15h

Local: Centro Cultural Solar Ferrão (Rua Gregório de Matos, Pelourinho)

Tel.: 3116-6743

Atividade aberta ao público

A Diretoria de Museus do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (DIMUS/IPAC) é uma unidade vinculada a Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s