Prorrogada a exposição “Raízes e Metáforas: Quando à Minha Terra/Não Há que Haver Arreceio” no Centro Cultural Solar Ferrão  

Foto exposição 2 

Prorrogada a mostra “Raízes e Metáforas: Quando à Minha Terra/Não Há que Haver Arreceio”, que continua em cartaz no Centro Cultural Solar Ferrão (Rua Gregório de Matos, Pelourinho) até 29/05. A exposição conta com mais de 80 peças entre desenhos, fotografias, videogramas e poemas.

De acordo com o curador da mostra, Feliciano de Mira, trata-se de uma instalação multimídia, uma abordagem territorial e onírica, um diálogo entre as artes e manufaturas em extinção numa terra do interior do Alentejo, na margem esquerda do Guadiana e a tradição imaterial da literatura oral e do Cante Alentejano da pós-modernidade, numa época de globalização e avanço de tecnologias e imaginários. “É um trabalho de memórias com uma multilinguagem que envolve fusões sonoras e plásticas, onde a paisagem realista da terra é confrontada com o sonho e o sacrifício da luta e da emigração, gerando uma estética contextual, mas de linguagens e emoções universais”, completa o curador.

Fotos exposição 3

A base da inscrição temática assenta em registros de pesquisas e vivencias locais efetuadas desde 1986 por Feliciano de Mira publicados em livros (Falar de Pias, Editora Pendor; As crianças do Enxoé, Editora Pendor) e outros ainda não publicados, em que participaram fotógrafos (António Cunha; José Manuel Rodrigues), pintores (António Carlos Couvinha, Délio Vargas), a população local com seus cantares nas tabernas e o Grupo Coral e Etnográfico ‘Os Camponeses de Pias’.

A instalação multimídia é uma realização da UNEB (Universidade do Estado da Bahia), através da OPARÁ (Centro de Pesquisa em Etnicidades, Moviemntos Sociais e Educação), do GP SEDES (Grupos de Pesquisa em Sócio-Economia de Desenvolvimento Sustentável) e da Câmera de Serpa/Portugal com o apoio da Diretoria de Museus do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (DIMUS/IPAC) – uma unidade vinculada a Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA).

 

Serviço: Mostra “Raízes e Metáforas: Quando à Minha Terra/Não Há que Haver Arreceio”

Período de visitação: 07/04 a 29/05

Local: Galeria Solar Ferrão do Centro Cultural Solar Ferrão (Rua Gregório de Matos, Pelourinho)

Gratuito

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s