Museu Udo Knoff abre a exposição ‘A Ponte Lúdica – Meu Pedacinho de Presépio’ resultante de oficinas de cerâmica realizadas com a comunidade

pecagraficaexpopresepio1-02menor

Na próxima quinta-feira (15/12), a partir das 17h, o Museu Udo Knoff de Azulejaria e Cerâmica (Rua Frei Vicente, 03, Pelourinho) abre a exposição ‘A Ponte Lúdica – Meu Pedacinho no Presépio’. Trata-se de um presépio montado a partir das peças de cerâmica produzidas nas oficinas realizadas em outubro e novembro com escolas e instituições sociais. A mostra é resultado do projeto realizado em parceria com o ceramista uruguaio Sérgio Centurión Centurión.

Através da realização de oficinas de cerâmica ministradas de forma voluntária por Centurión foram surgindo os elementos que fazem parte do trabalho final: o presépio. Nessas atividades foram utilizados suportes para auxiliarem os participantes na confecção das peças, como fôrmas de animais e humanos. A ideia é que, ao final da exposição, os integrantes da oficina possam levar as esculturas que criaram (os “pedacinhos no presépio”).

Ao longo dos meses de outubro e novembro, as oficinas foram realizadas com diversos públicos, como as crianças da Escola Municipal Vivaldo Costa Lima e da Escola Paroquial Santana; os jovens da Escola Ignácio Lunely e do Instituo de Cegos da Bahia; e o grupo da terceira idade do Multicentro de Saúde da Liberdade – Bezerra Lopes. A ação é um desdobramento do projeto ‘A Ponte Lúdica’, realizado no ano de 2014 com o ceramista.

De acordo com a coordenadora do museu, Renata Alencar, ‘A Ponte Lúdica – Meu Pedacinho no Presépio’ tem o objetivo didático de democratizar a arte e aflorar a criatividade dos participantes através de atividades envolvendo a cerâmica. “Desta forma, mostra que todas as pessoas possuem um potencial artístico e podem ser criadoras das suas próprias obras de arte”, disse Renata.

A coordenadora ainda pontua o sucesso obtido com as oficinas, a exemplo da ocorrida no Instituto de Cegos da Bahia. “Foi uma atividade produtiva e a recepção foi muito agradável. A produção superou as expectativas, pois teve a participação da família, uma vez que foi o primeiro contato deles com o material.  O ceramista destacou a manjedoura criada por uma das crianças que, após o bate-papo sobre o conceito da construção do presépio, conseguiu expressar de forma simples, mas muito representativa, o nascimento de Cristo.

Sérgio Centurión Centurión é um artista e ceramista nascido no Uruguai, e já recebeu prêmios importantes como a menção honrosa da 1ª Bienal de Arte Jovem, em Montevidéu. Para Sérgio, a proposta é desenvolver o fazer artístico e despertar reflexões sobre o comportamento humano. “A atividade é uma reflexão sobre um fato real descrito na Antiguidade, o qual nos ilustra de forma clara o comportamento do ser humano quando é movido por valores superiores. É uma ação sociocultural, destinada a expressar uma esperança coletiva a respeito da vida, sua potencialidade e sonhos de superação que todo ser humano abriga no âmago da sua alma”, explica Centurión.

Serviço: Exposição ‘A Ponte Lúdica – Meu Pedacinho no Presépio’
Local: Museu Udo Knoff (Rua Frei Vicente, 03, Pelourinho) – (71) 3117-6389
Visitação: terça a sexta, 12 às 18 horas, sábado e domingo e feriados, 12 às 17 horas
Entrada: grátis
Contatos: (71) 3117-6389 / 99130-3605/98725-2301 |  artsccenturion@gmail.com

O Museu Udo Knoff de Azulejaria e Cerâmica (Rua Frei Vicente, Pelourinho) é um equipamento da Diretoria de Museus do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (DIMUS/IPAC) – unidade vinculada à Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA).

Anúncios